Folha Interativa
Tv Interativa
Sucessão

Moro põe em risco legitimidade da Lava Jato, diz professor de Oxford

Oposição poderá argumentar nomeação

02/11/2018 13h51Atualizado há 8 meses
Por: Redação Interativa
Fonte: Com informações da BBC BRASIL
195
Para Timothy J. Power, diretor do departamento de Oxford que estuda política América Latina, a ida de Moro para o Ministério da Justiça reforça o discurso de que a Lava Jato age politicamente. - Direito de imagem ANTONIO LACERDA/EPA Image caption
Para Timothy J. Power, diretor do departamento de Oxford que estuda política América Latina, a ida de Moro para o Ministério da Justiça reforça o discurso de que a Lava Jato age politicamente. - Direito de imagem ANTONIO LACERDA/EPA Image caption

Ao aceitar ser ministro da Justiça no futuro governo de Jair Bolsonaro (PSL), o juiz Sérgio Moro põe em risco a legitimidade da Operação Lava Jato e prejudica os procuradores que atuam no caso. Essa é a avaliação do professor Timothy J. Power, diretor da School of Global Area Studies, da Universidade de Oxford - departamento que se dedica a estudar diferentes regiões do mundo - entre elas, a América Latina.

 

"Não fiquei surpreso com o convite, mas com a aceitação pelo juiz Moro. Acredito que, depois de quatro anos de manchetes e avanços na investigação Lava Jato, ao aceitar esse cargo no Ministério da Justiça, o juiz coloca em risco alguns pontos de legitimidade dessas investigações", afirmou Power à BBC News Brasil.

 

Um dia após ser eleito, Bolsonaro afirmou publicamente que gostaria de ter Moro no Ministério da Justiça ou indicá-lo para o Supremo Tribunal Federal (STF). Uma vaga no STF, porém, só deve abrir em 2020, com a aposentadoria compulsória do ministro Celso de Mello, que completará 75 anos.

Nesta quinta, Moro se reuniu com Bolsonaro e aceitou o convite para assumir o "superministério" da Justiça, que deve englobar também as funções da Controladoria-Geral da União e o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF).

 

Para Power, a decisão do juiz da 13ª Vara da Justiça Federal de Curitiba pode servir de combustível para o argumento do PT de que a Lava Jato serve a interesses políticos e à perseguição do partido.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Vitória - ES
Atualizado às 11h09
25°
Muitas nuvens Máxima: 29° - Mínima: 15°
25°

Sensação

22 km/h

Vento

74%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Bíblia
Lico
Interativa