Quarta, 03 de Junho de 2020 12:33
-
Internacional Conservadorismo

Boris Johnson é eleito primeiro-ministro britânico

COM AMPLA MAIORIA DE CONSERVADORES NO PARLAMENTO, BORIS JOHNSON FOI CONDUZIDO AO CARGO MAIS ALTO DO PAÍS

15/12/2019 12h19
161
Por: Redação Interativa Fonte: ES Brasil
Boris Johnson recebeu a maioria dos votos. - Foto: Christopher Furlong/Getty Images
Boris Johnson recebeu a maioria dos votos. - Foto: Christopher Furlong/Getty Images

Mais uma vitória do Partido Conservador na Inglaterra. Boris Johnson foi eleito primeiro-ministro britânico com a maioria dos votos nessa quinta-feira (12).

 

O partido conquistou a maioria dos votos – 364 assentos no Parlamento -, enquanto seu principal adversário, o Partido Trabalhista, estava com 203, por volta das 8h30 da manhã (5h40 horas, em Brasília). A essa altura, faltava apenas uma cadeira a ser preenchida, dos 650 postos.

 

Além disso, o primeiro-ministro garantiu o assento no Parlamento por Uxbridge, subúrbio de Londres, com 25.351 votos. E nesta sexta-feira (13), Johnson foi ao Palácio de Buckingham, para permissão à rainha para formar um novo governo.

 

Em seu discurso de agradecimento, Johnson afirma que “o governo conservador recebeu um novo e poderoso mandato para realizar o Brexit – e não apenas para fazê-lo, mas para unir este país e levá-lo adiante”.

 

Maioria

A aprovação do projeto de Johnson para o Brexit deverá vir com o apoio da maioria dos conservadores a fim de garantir que o Reino Unido deixe a União Europeia em 31 de janeiro de 2020.

 

Para isso, o partido precisa de 326 assentos, considerando que, em novembro, o Parlamento tinha 298 conservadores e 243 trabalhistas. Se, de fato, o partido de Johnson tiver a maioria, ele se sentirá em posição confortável para promover a saída do Reino Unido da União Europeia.

 

Saída do Brexit

O projeto de Johnson deve enfrentar dificuldades para ser aprovado, entretanto, se for confirmada a saída do país do Brexit, será apenas o primeiro passo oficial. O prazo final para a saída será 30 de junho de 2020.

 

O que pode ocorrer a partir desse cenário é: se houve acordo, deverá ser ratificado, o que pode acarretar meses meses, mas garantirá uma saída organizada. Se não houver acordo,  pode levar até dois anos para o período de transição, mas essa possibilidade está descartada pelo primeiro–ministro. Também pode ocorrer uma saída sem acordo.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
Vitória - ES
Atualizado às 12h29 - Fonte: Climatempo
25°
Alguma nebulosidade

Mín. 17° Máx. 30°

25° Sensação
17 km/h Vento
69% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (04/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 26°

Sol com muitas nuvens
Sexta (05/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 26°

Sol e Chuva
Ele1 - Criar site de notícias