Tv Interativa
Desenvolvimento

Firjan coloca Aracruz como a 4ª cidade do Espírito Santo com a melhor administração

O estudo revela ainda que 50% das prefeituras gastam mais da metade do orçamento no pagamento de pessoal, e mais da metade apresenta dificuldade para pagar fornecedores, destinando apenas 3% das receitas a essas despesas.

07/11/2019 16h08
Por: Redação Interativa
Fonte: PMA
99
Além da questão fiscal, Aracruz se tornou o 10º município com melhor pontuação no ranking brasileiro de transparência - Foto Reprodução
Além da questão fiscal, Aracruz se tornou o 10º município com melhor pontuação no ranking brasileiro de transparência - Foto Reprodução

De acordo com estudos e pesquisas da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN) divulgado na última quinta-feira (31/10), com relação à gestão pública, tendo 2018 como ano base, o município de Aracruz ocupa a 4ª melhor posição entre as 78 cidades do estado, tendo como índice 0.7772 pontos, nível este considerado de boa gestão.

Aracruz já havia sido eleita pela própria Firjan a melhor cidade do Espírito Santo para se viver, ficando também entre as 27 do país. Na ocasião foi feito um estudo que classificou o município com o melhor índice de qualidade de vida do estado. O estudo levou em consideração três principais indicadores: emprego e renda, educação e saúde. Ao todo, 5.471 municípios foram analisados.

Com relação ao mapa da gestão fiscal dos demais municípios brasileiros, o país se apresenta em estado de alerta, pois aproximadamente 74% deles foram avaliados no Índice FIRJAN de Gestão Fiscal (IFGF) com gestão fiscal difícil ou crítica. Isso representa 3.944 cidades com essa situação, sendo que quase dois mil municípios sequer conseguem gerar recursos suficientes para arcar com suas as despesas da estrutura administrativa.

10º município mais transparente
O estudo revela ainda que 50% das prefeituras gastam mais da metade do orçamento no pagamento de pessoal, e mais da metade apresenta dificuldade para pagar fornecedores, destinando apenas 3% das receitas a essas despesas. Além da questão fiscal, Aracruz se tornou o 10º município com melhor pontuação no ranking brasileiro de transparência. A avaliação foi divulgada pela Controladoria-Geral da União (CGU).

O resultado da Escala Brasil Transparente (EBT) – Avaliação 360° revela os municípios com mais de 50 mil habitantes, incluindo as capitais (com base nas estimativas do IBGE em 2017) que apresentaram resultados positivos no cumprimento de dispositivos da Lei de Acesso à Informação (LAI) e de outros normativos sobre transparência nos Estados e no Distrito Federal.

Nesta escala, Aracruz atingiu a pontuação de 9,64, sendo que as notas variam de 0 a 10. No Ranking Geral de municípios, Aracruz também ocupa uma posição de destaque chegando ao 4º lugar, apenas abaixo de Serra (1º lugar - 9,95); Vitória (2º lugar - 9,85) e Vila Velha (3º lugar – 9,77).

Para o secretário de Finanças, Zamir Gomes Rosalino, a boa gestão fiscal do município é resultado de um governo que se preocupa em cumprir com as exigências da legislação. “Nosso governo tem tomado decisões e cumprido com as exigências tributárias da legislação. O município tem se tornado cada vez mais responsável em suas obrigações tributárias, e nossa gestão fiscal está preocupada em analisar e planejar, trabalhando de forma preventiva, administrando as informações e buscando as melhores e mais eficazes soluções para nossa saúde financeira”, frisou.

Diante desse quandro, o prefeito Jones Cavaglieri comemorou a posição do município e explicou o que tem sido feito em sua gestão para colaborar com essas posições no ranking. “Esses resultados que obtivemos são frutos de um trabalho sério, comprometido e responsável de nossa gestão. Como sempre venho dizendo, nosso foco está em cuidar das pessoas, do dinheiro público e da questão fiscal, garantindo o pagamento dos nossos fornecedores e servidores. Temos que ter responsabilidade no cumprimento da legislação, sempre objetivando um atendimento mais humano à nossa população. Fico feliz pelo esforço de toda nossa equipe, que trabalha cada dia mais para tornar nossa cidade o melhor lugar para se viver no Espírito Santo”, pontuou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.