Tv Interativa
Tv Interativa
Pátria

Comércio aposta no crescimento das vendas com Semana do Brasil

Até quinta-feira (05), mais de 9 mil empresas se inscreveram para participar das ações que ocorrem até o dia 15 deste mês

07/09/2019 14h11Atualizado há 2 meses
Por: Redação Interativa
Fonte: Redação Interativa
79
Foto Reprodução
Foto Reprodução

Para aquecer as vendas no mês de setembro, o Governo Federal lançou a Semana do Brasil, um período de promoções e descontos em lojas e também na internet. O comércio está otimista já que, em setembro, não havia nenhuma data promocional que aumentasse o movimento.

“As empresas devem fazer efetivamente promoções até porque é mudança de estação. Então, tudo aquilo que sobrou do inverno provavelmente vai ser colocado em promoção. É um bom momento”, apostou o economista da Associação Comercial de São Paulo, Marcel Solimeo.

Essa pode ser a hora certa para Aline Gomes. A estudante de engenharia química de São Paulo já sabe o que quer comprar. “Eu quero uma máquina de sorvete e também preciso de uma batedeira. O planejamento era o décimo terceiro, mas se tiver promoção e desconto bom agora, eu compro”, disse a estudante.

Outras ações do governo fazem o comércio estar tão otimista quanto Aline. “Agora em setembro, começa a liberação do FGTS, já houve queda das taxas de juros, antecipação da metade do décimo terceiro dos aposentados, tudo isso deve fazer com que setembro seja melhor que os meses anteriores e acabe movimentando mais a economia”, comentou Marcel Solimeo.

Aquecer toda a economia do país por meio do aumento das vendas é também a aposta do dono da rede de lojas Havan, Luciano Hang. “Quando o comércio vende mais, ativa a indústria, que tem que produzir mais e, automaticamente, gera mais emprego em toda cadeia produtiva e no comércio”, afirmou o empresário.

“A grande maioria do comércio vai entrar com grandes promoções. Vai ser a Black Friday Verde e Amarelo, a Black Friday brasileira! Mas o mais importante é que o brasileiro tenha um espírito patriota colocando nas suas casas e nas suas empresas uma bandeira do Brasil”, disse.

Semana do Brasil

A Semana do Brasil tem o mote “Vamos valorizar o que é nosso” e quer incentivar o sentimento de patriotismo da população, além de criar, no mês de setembro, um momento especial para os consumidores, estimulando a economia do País. 

A iniciativa da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República conta com parceira do Instituto para o Desenvolvimento do Varejo (IDV). Para o presidente fundador da instituição, Flávio Rocha, a data será o ponto de retomada de uma nova economia. “Nós, do varejo, sabemos que confiança é o motor que move uma economia. E varejo é a locomotiva de uma cadeia de suprimento, numa economia moderna. Não existe país de primeiro mundo sem varejo de primeiro mundo”, ressaltou.

“Recebemos com muito orgulho esse chamamento, com o sentido de uma missão a ser desempenhada, no sentido de transformar o que sempre no varejo foi conhecido como “setembro negro”, num setembro verde e amarelo. Vai ser o ponto de retomada, de inflexão de uma nova economia, de um Brasil mais próspero e com maior desenvolvimento”, completou.

Até às 18h desta terça-feira (03) mais de seis mil empresas e entidades se inscreveram no site da Semana do Brasil e estão mobilizadas para participar ativamente oferecendo descontos, promoções e benefícios reais aos consumidores. As ações acontecem entre os dias 6 e 15 deste mês.

O site da Semana do Brasil já está no ar. Para acessá-lo basta digitar http://www.gov.br/semanadobrasil/

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.