Folha Interativa
Tv Interativa
Índios

Aracruz - Administação Jones tem parcerias com as Aldeias Indígenas do município

Aracruz - Aldeias Indígena

22/06/2019 23h24Atualizado há 3 meses
Por: Redação Interativa
Fonte: SouES
260
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O município de Aracruz é o único no Estado que possui índios aldeados. São duas etnias em um total de nove aldeias, sendo quatro Guaranis e cinco Tupiniquins.

Caeiras Velha.

A aldeia da etnia Tupiniquim fabrica artesanatos como samburá, juquiá e peneiras feitas de coco.

A Reserva ainda guarda alguns remanescentes de Mata Atlântica e árvores frutíferas e possui posto médico e escola.

Localização: distrito de Santa Cruz na Rodovia ES-456, a 18,5 Km de distância da Sede.

Boa Esperança

Os índios da tribo Guarani conservam ainda suas tradições como: a língua, o culto ao Sol, a Lua, as Estrelas, a dança e a pesca. Na aldeia fabricam artesanatos considerados os mais bonitos do Brasil e utilizam como material, o coqueiro e a taquara, produzindo assim: arco e flecha, chocalhos, lanças e zarabatanas.No local existe escola e posto médico.

Localização: distrito de Santa Cruz na Rodovia ES-010

Irajá

A aldeia é composta por índios Tupinikins que vivem basicamente da pesca do caranguejo e de outros crustáceos.

Localização: Rodovia ES-456 a 12,5 Km de distância da Sede.

Comboios

A aldeia vive da pesca no rio Comboios e no mar, dos plantios da mandioca, da pequena criação de gado, do artesanato e, mais recentemente, do cultivo de feijão em uma área de 96 ha distante da área principal. Grande parte da população, vive ao longo do Rio Comboios, em pequeno aldeamento no centro, sendo despovoada as áreas próximas à praia e à Reserva Biológica..

Localização: distrito do Riacho a 38 Km de distância da Sede

Pau Brasi.l

lAaldeia é habitada por índios Tupiniquins e vive a base da pesca e do cultivo de mandioca, café e abacaxi. O local tem sua própria Associação Indígena.

Localização: Rodovia ES-257, no trecho que liga a sede do município a fabrica da Aracruz Celulose e ao distrito de Barra do Riacho.

Piraquêaçu

Menor das aldeias de Aracruz, o local é habitado por famílias Kaiowá integrada por guaranis do grupo Mbyá e Kaiowá, constituídos por aliança de casamento. A fonte de renda do local é o artesanato de chocalhos, cestas, pau-de-chuva, pauzinho de cabelo, entre outros.

Localização: Rodovia ES-010 na primeira entrada à esquerda após a ponte sobre o Rio Piraquê-Açu – Aracruz.

Três Palmeiras

Nesta aldeia a linguagem e os costumes são herdados de seus antepassados Guaranis. Sobrevivem da caça, da lavoura e da venda de artesanatos.

Localização: distrito de Santa Cruz, na Rodovia ES-010.

Neste contexto a administração, Jones Cavaglieri, está atenta colocando a estrutura do município, para atender as demandas dos povos indígenas. E a primeira vez na história do município de Aracruz, que a comunidade indígena, conta com uma gerência indígena, sendo a mesma, ocupada por um representante indígena, víncuda a Secretaria Municipal de Governo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.